Saúde, esperança e renovação para 2017

O que nos dá coragem para recomeçar? Que provoca mudanças? Que nos faz acreditar que é possível viver de outro jeito, fazer novas escolhas, adotar hábitos diferentes? Para nós, da Secretaria Municipal de Saúde do Rio de Janeiro, este impulso é a esperança.

É a esperança de ver a paz vencer a guerra;
a solidariedade superar a desigualdade;
o alto astral dissipar o desânimo.

E é esta esperança, esta confiança na renovação, que desejamos para todos e todas em 2017.

… Que a gente possa ser melhor a cada dia.
… Que a gente tenha consciência e força de vontade para vencer a preguiça e colocar o corpo em movimento. Um passo de cada vez, cada um no seu ritmo, sempre em frente!
… Que a gente possa escolher o que nos faz bem: na hora de se alimentar, de se divertir e de se relacionar. E que não nos falte criatividade para provar novos sabores e receitas.
… Que os motivos para parar de fumar falem mais alto que aquela vontade de tragar.
… Que não nos faltem amigos para festejar – e para revezar na função de “motorista da rodada”.
… Que, juntos, a gente possa contribuir com a construção de um mundo melhor, começando pela nossa cidade, pelo nosso bairro, pela nossa família.

Que venha o novo ano! E com ele, a esperança para recomeçar!

Nesse clima, nos despedimos de 2016 com as palavras de Mário Quintana:

“Esperança”
Mário Quintana

“Lá bem no alto do décimo segundo andar do Ano
Vive uma louca chamada Esperança
E ela pensa que quando todas as sirenas
Todas as buzinas
Todos os reco-recos tocarem
Atira-se
E
— ó delicioso vôo!
Ela será encontrada miraculosamente incólume na calçada,
Outra vez criança…
E em torno dela indagará o povo:
— Como é teu nome, meninazinha de olhos verdes?
E ela lhes dirá
(É preciso dizer-lhes tudo de novo!)
Ela lhes dirá bem devagarinho, para que não esqueçam:
— O meu nome é ES-PE-RAN-ÇA…”